quarta-feira, 8 de abril de 2009

"Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver do Universo...
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer,
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura... ...."
Fernando Pessoa
Sou Alentejano... dou Avisense e "marroquino" ao mesmo tempo... E se soubessem o orgulho que tenho nisso, até se arrepiavam. Um orgulho que desbrava vales a montanhas se for precisoo Não sei o que a vida me reserva, mas sei que nunca me vou esquecer do que aprendi aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário