segunda-feira, 10 de agosto de 2009

"Sou o único homem a bordo do meu barco.
Os outros são monstros que não falam,
Tigres e ursos que amarrei aos remos,
E o meu desprezo reina sobre o mar."
Engraçado é quando os pedaços de porcelana afinal percebem que também são um bocado, no mínimo, feitos de pedaços de vidro... e esta hein?

Sem comentários:

Enviar um comentário